CONTATO: unistaldense@hotmail.com

NOSSA SENHORA A MÃE DE TODAS AS MÃES..



Ritual com gamela pode ter explicação científica

Para moradores, amigos e familiares, é a fé que ajudou a encontrar o corpo

Lizie Antonello
Um fato chamou atenção na terça-feira na localização de Rafael Carvalho, 15 anos. Ao meio-dia, a madrinha e tia de Rafael soltou no rio uma gamela com duas velas e pediu à Nossa Senhora que indicasse o local onde estava o afogado. Superstição ou não, a gamela não foi levada pela correnteza, e o corpo de Rafael foi encontrado no ponto onde ela flutuava. A gamela só foi levada pela correnteza depois que o corpo foi retirado do rio.

:: "Tiraram uma parte do meu corpo", lamenta pai do adolescente afogado no Rio Jacuí
Para moradores, amigos e familiares, é a fé que ajudou a encontrar o corpo. Mas, existe explicação científica para o que aconteceu?
Entre as possíveis explicações, está a de que a gamela teria ficado parada em função da formação de um redemoinho. O vórtice viria desde o fundo do rio até a superfície formando um movimento circular na água, que, além de atrair a gamela, a manteria "presa" no mesmo lugar.
Para o professor do Departamento de Engenharia Sanitária e Ambiental da UFSM, Geraldo Lopes da Silveira, não há como avaliar tecnicamente o fato sem verificar o local e as condições do rio. Da mesma forma pensa o também professor da UFSM João Batista Dias de Paiva, engenheiro civil, doutor em hidráulica e saneamento. Segundo Paiva, são várias as possibilidades para explicar o fato, desde uma área de menor correnteza.
_ Tem várias explicações possíveis, inclusive Nossa Senhora, porque fé e religião não se discutem. Somente avaliando o local poderíamos descobrir _ comentou Paiva.
Segundo o capitão Rafael Gonçalves Pereira, comandante da Seção de Mergulho do 4º Comando Regional de Bombeiros, a correnteza era tão forte que para conseguir mergulhar naquele ponto, sem ser arrastado pela força da água, um dos bombeiros precisou utilizar três cintos com pesos de chumbo, no total de mais de 20 quilos, além do peso do mergulhador, em torno de 75 quilos. Mesmo assim, teve dificuldade. Apesar de conhecida pelos bombeiros e muito utilizada pelas comunidades ribeirinhas, o capitão diz que foram poucas as vezes em que o rito deu certo.
DIÁRIO DE SANTA MARIA

Nenhum comentário: