CONTATO: unistaldense@hotmail.com

UNISTALDA: VEREADOR DO PMDB ELOGIA ADMINISTRAÇÕES PROGRESSISTAS

O Vereador do PMDB de Unistalda, Paulinho Guerra, em entrevista ao Jornal Expresso Ilustrado afirma:

"Unistalda já teve maior evolução. Acredito que a administração atual vem conservando o que já existia. Houve obras sim, porém nada que se destacasse nesses últimos anos. É claro que nosso desejo e esperança são de que cresça sempre".

Paulinho em suas palavras demonstra ao dizer: " Unistalda já teve maior evolução", que é fã da adminstração Ribeiro e reconhece a evolução que Ribeiro fez no Município de Unistalda (Adm. 2001/2008), pois anteriormente Ribeiro o único prefeito foi Paulo Quadros (PMDB), que por vez não fez nada que destacasse durante sua administração.
O Vereador ainda acredita que a atual administração vem conservando tudo o que já existia. Isto é ÓTIMO para uma administração, imagina se estragasse tudo? Como diz o ditado "quando a coisa tá boa é só conservar e acrescentar...
Acrescentar, verbo que Paulinho afirma ter em Unistalda quando diz: "Houve sim obras", sinal que a atual administração está acrescentando, está fazendo obras.
Só não entendo quando o mesmo fala "nada que se destacasse nesses últimos anos." O que o vereador queria? Um porto em Unistalda?? Qual obra que se destacou na Administração Paulo Quadros?? Qual obra que o senhor fizeste, que ganhou destaque durante seu mandato no Legislativo Unistaldense?
Finalizando o vereador não disse que gostaria que Unistalda voltasse a crescer, mas sim deixa o desejo e esperança de que Unistalda cresça sempre. Ou melhor: continue crescendo!!!

O vereador merece nossas gongratulações por não ser partidário, e ter o reconhecimento do que é melhor para Unistalda. Parabéns!!!

6 comentários:

Anônimo disse...

Costumo ler esse Blog , como cidadão gostaria de dar um conselho para o editor , o qual me parece ser esse menino da foto ao lado , meu rapaz procure postar informação , agora sua opinião tendenciosa e apelativa não , isso fica feio até mesmo para você e deixa claro que o seu blog tem apenas um lado, portanto não serve como meio de informação.

Blog Unistaldense disse...

DO BLOG: Não costumo dar importância para comentários anônimos, mas amigo leitor:
- Se conselho fosse bom: Ninguém daria!!!
- O Editor do Blog é o menino do lado ali sim junto com minha esposa, tenho 23 anos e ela 22 anos, e daí?
- Outra: No Blog eu posto o que eu quiser, e bem entender, se quiser postar informações ou opiniões isto é uma questão nossa, estamos em país livre
- Se fica feio... O que você tem que ver?
- E se o Blog tem apenas uma lado... Qual o problema?
- E se não serve como meio de informção: É bem simples.. Não leia mais!!! Ok? Ou você está nos pagando?

Desculpa aos leitores que não precisam ler isto, mas como anônimo sempre é covarde não manda e-mail para responder-mos direto para ele, tivemos que ocupar este espaço. Mas vamos continuar com nossas opiniões porque na Declaração Universal dos Direitos Humanos diz:

Art. 19 - "Todo o homem tem direito à liberdade de opinião e expressão; este direito inclui a liberdade de, sem interferências, ter opiniões e de procurar, receber e transmitir informações e idéias por quaisquer meios, independentemente de fronteiras".

E já você "anônimo" está infringindo a Constituição Federal: Art. 5º., onde diz:
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;

Anônimo disse...

Caro Riander sem ofensas e ignorancia mas tenho certeza que voce se enganou muito com as palavras do vereador Paulinho Guerra, pois tenho completa certeza que a opinião dele está completamente distorcida nessa informação.

Anônimo disse...

creio q o Riande não ta enganado este vereador que seja mais objetivo entaum,

Anônimo disse...

Os veredaores de Unistalda são assim mesmo, nem sabem falar... Muda Legislativo de Unistalda...

Anônimo disse...

Sou PMDB mas esta oposição de Unistalda é muito burra, ja era pra nos ta no comando desta cidade a muito tempo... ja troquei o meu titulo, jamais vou votar no PP mas nessa oposição de unistalda pior ainda, não voto mesmo