CONTATO: unistaldense@hotmail.com

Ana Amélia pede melhoria dos serviços de telefonia no interior do RS

Ao relatar a situação de isolamento dos municípios da Fronteira Oeste, pela precariedade do serviço de telefonia celular, a senadora Ana Amélia (PP-RS) sugeriu que a presidente da República, Dilma Rousseff, pressione as concessionárias de telefonia a resolver o problema, da mesma forma que o fez com as instituições financeiras para baixarem os juros.
- Seria hora de a presidente Dilma Rousseff chamar as concessionárias de telefonia e exigir uma contrapartida desses investimentos, preenchendo esses vazios que tanto dano causam à logística e às comunicações em áreas vitais e importantes, não só do aspecto econômico, mas também no aspecto social e até político e institucional – disse a Senadora, em discurso no Plenário.
Segundo explicou, essas empresas vendem muitas linhas, aumentam os lucros, mas não investem. Por isso, é preciso que aprimorem a qualidade do serviço e a oferta dele para conseguir suprir o grande número de usuários de serviços de banda larga e telefonia que também estão no interior, e não só nas capitais. Conforme explicou, o crescimento da telefonia, que este ano chegou a 210 milhões de celulares habilitados e 65 milhões de pontos de banda larga, está concentrado nas capitais, o que é injusto.
O isolamento do interior e das zonas rurais atrapalha os produtores que, sem telefonia móvel, perdem a possibilidade de ter acesso rápido às novas tecnologias rurais e informações importantes para a produção e o aumento da produtividade, avaliou a senadora. Também afasta os jovens, que se mudam para centros urbanos e impõem quebras à continuidade dos serviços de agricultura nas famílias, detalhou Ana Amélia.
- A área rural e suas famílias precisam participar desse crescimento tecnológico – afirmou a progressista.

Nenhum comentário: