CONTATO: unistaldense@hotmail.com

Inter escapa de derrota, com um gol aos 45 minutos

O Inter escapou de levar outra derrota em casa, ontem à tarde. Um gol salvador, aos 45 minutos do segundo tempo, evitou uma decepção maior. O jogo acabou em um empate em 2 a 2 contra o Palmeiras de Felipão, o que manteve a pressão sobre o time e o técnico Paulo Roberto Falcão, que se mantém invicto só fora de casa. O problema é que o torcedor não vê o time vencer em casa desde 19 de abril, nos 2 a 0 contra o Emelec.

Ontem, Palmeiras e Inter só começaram a jogar mesmo a partir dos 20 minutos, com boas finalizações de ambos os lados, em lances de Damião e do palmeirense Kleber. No primeiro tempo, a melhor chance colorada foi um foguete que D’Alessandro soltou e que raspou o travessão.

Na segunda etapa, o Inter começou no ataque. No início, D’Alessandro fez um festival na área do Palmeiras. Aos quatro minutos, o colorado recebeu um presente da zaga palmeirense. Em cruzamento para Damião, Márcio Araújo tentou cortar e chutou no ângulo, abrindo o placar para o Inter. A alegria colorada durou só cinco minutos, pois o Palmeiras empatou em cobrança de falta. Na confusão na pequena área, o palmeirense Kleber tocou para trás, e Rodrigo colocou a bola nas redes. O time paulista impôs seu ritmo de jogo e, aos 20 minutos, Luan fez boa jogada pela esquerda e chutou cruzado e rasteiro: 2 a 1.

Falcão resolveu mudar o time só aos 30 minutos, trocando Tinga e Oscar por Gilberto e Fabrício. As trocas deram novo fôlego ao time, que começou a pressionar o Palmeiras.

A salvação colorada saiu aos 45 minutos. Na cobrança de escanteio, Rodrigo cabeceou para trás, e a bola bateu na barriga de Zé Roberto, na pequena área, sobrando para Damião tocar para as redes: 2 a 2. No próximo domingo, às 18h30min, o Inter jogará fora de casa contra o Coritiba.

Nenhum comentário: