CONTATO: unistaldense@hotmail.com

"UNISTALDA TERRA BUENA" JÁ É CONSIDERADO UM HINO UNISTALDENSE

Unistalda Terra Buena 

Unistalda Terra Buena
De gaúchos laçadores
A moçada é torena e as
Mulheres são amores
 

Capital do bem querer
Do pau-ferro e do terneiro
Paraíso do meu ser
Sou feliz o ano inteiro
 
Tua beleza despojada
Com ninguém quer competir
Só deseja ser amada
No presente e no porvir
 
Unistalda vai em frente
Vai seguindo a correnteza
Recordando que tua gente
Sempre foi tua riqueza
 
Capital do bem querer
Do pau-ferro e do terneiro
Paraíso do meu ser
Sou feliz o ano inteiro
 
Tua beleza despojada
Com ninguém quer competir
Só deseja ser amada
No presente e no por vir

Quem ouve, ou lê, este poema de Ruy Gessinger, se apaixona por Unistalda, também não é para menos, pois este poema em forma de canção enaltece a "Capital do Pau-Ferro", e nos deixa cheio de orgulho por ser Unistaldense.
São raros os cidadãos Unistaldenses que não saibam cantar pelo menos um trecho deste "tesouro" (raros para não dizer que não tenha ninguém que não conheça, pois sempre tem aquele que gosta de contrariar).
Alguns dizem que Unistalda tem um hino municipal. Não somos sabedores e nunca ouvimos. Procuramos nos informar na Câmara Municipal de Vereadores, também não foi localizado.
Fica aqui a nossa sugestão: embora sabendo que não é necessário pois "Unistalda Terra Buena" será eternamente um hino Unistaldense, mas não custa nada algum vereador criar um Projeto de Lei oficializando isto. Assim "Unistalda Terra Buena" passaria de um hino unistaldense, para o HINO MUNICIPAL DE UNISTALDA.
Vale lembrar que este ano Unistalda ainda terá eventos de extrema importância como a Distribuição da Chama Crioula para a 10ª Região Tradicionalista, a 5ª Feovinos, a 5ª FEUAPI, o aniversário do Município e muitos outros, e seria importante ter um hino oficializado.
Mas como já mencionamos é apenas uma sugestão.

Um comentário:

JORGE LOEFFLER .'. disse...

Tive o privilégio de receber do Ruy um exemplar de seu CD no qual está essa canção. A gentileza foi decorrene de exemplar do livro do José Luiz Prévidi, Farofa e Pimentão, com o qual o presentiei. No livro uma das 23 histórias de praias foi de minha lavra onde descrevi dois fatos comigo ocorridos. Nada entendo de música, pois nem mesmo consigo entoar o Hino Nacional. Meus filhos sempre foram bons para música, sendo que o mais jovem integra uma dita banda de Rock. Ao ouvir o CD me agradou muita não só a múscia como a letra. Se houver a adoção dessa música com Hino de Unistalda penso que todos ficarao felizes, pois ótima.