CONTATO: unistaldense@hotmail.com

Exército apura suspeita de abuso sexual em quartel de Santa Maria

A 3ª Divisão do Exército abriu inquérito para a apurar suspeita de abuso sexual a um soldado de 19 anos em Santa Maria. Segundo a imprensa da Capital, a agressão teria acontecido no dia 17 de maio, mas só foi tornada pública ontem.

A família afirma que o jovem, que serve no Parque Regional de Manutenção, cumpria punição por falta ao serviço em um alojamento, quando o local foi invadido por outros quatro militares. Três deles teriam violentado o jovem, enquanto um ficou de vigia.

Depois da agressão, o soldado teria passado mal e foi encaminhado para o Hospital da Guarnição.

FONTE: DC

Um comentário:

dani disse...

Que absurdo,
é assim que o exército espera ser respeitado?
Com que moral almejam alcançar tal façanha? E ainda tiram as pessoas pra idiotas tentando justificar suas deploraveis atitudes dizendo que o rapaz é homossexual e soropositivo. Seria menos vergonhoso se ao menos afastassem esses doentes da corporação, uma vez que não devem ter nada a agregar positivamente com esse tipo de comportamento. Realmente espero que esse fato seja punido, para que possamos acreditar que ainda ha esperança. Do contrário, para que precisaremos de exército se os soldados agem como marginais?